Início Política Tenente-general Jennie Carignan escolhida como próxima chefe do estado-maior da defesa

Tenente-general Jennie Carignan escolhida como próxima chefe do estado-maior da defesa

7

Política·Quebra

A Tenente-General Jennie Carignan foi nomeada a próxima chefe do Estado-Maior da Defesa, segundo informações da CBC News e da Radio-Canada — tornando-a a primeira mulher a servir como comandante máxima do exército canadense.

O primeiro-ministro Trudeau deverá nomear a primeira mulher chefe das Forças Armadas na próxima semana

A tenente-general Jennie Carignan chega ao gabinete do primeiro-ministro no Parliament Hill, em Ottawa, na terça-feira, 30 de janeiro de 2024.
Tenente-General. Jennie Carignan chega ao Gabinete do Primeiro Ministro em Parliament Hill, em Ottawa, na terça-feira, 30 de janeiro de 2024. (Sean Kilpatrick/The Canadian Press)

Tenente-General. Jennie Carignan foi nomeada a próxima chefe do Estado-Maior de Defesa, aprenderam a CBC News e a Radio-Canada – tornando-a a primeira mulher a servir como principal comandante das forças armadas canadenses.

Carignan sucederá ao general Wayne Eyre como líder das Forças Armadas canadenses, disse uma fonte sênior.

A CBC News está mantendo o nome da fonte confidencial porque não foi autorizada a falar publicamente sobre o anúncio.

O Canadá teve 21 chefes de defesa em tempo integral desde que a função foi criada em 1964, todos homens.

Espera-se que o primeiro-ministro Justin Trudeau anuncie formalmente sua nomeação na próxima semana.

A fonte disse que Carignan recebeu a oferta do cargo na quarta-feira e aceitou.

Carignan é atualmente chefe de conduta profissional e cultura militar – cargo recém-criado que ocupa desde abril de 2021, quando foi incumbida pelo governo federal de combater a má conduta sexual nas Forças Armadas canadenses e mudar a cultura militar.

Mais por vir…

Com arquivos de Murray Brewster e Louis Blouin

Correções e esclarecimentos|Envie uma dica de notícias|

Fuente