Dmitry Peskov: Nos países europeus está a ser debatida a conveniência de continuar com uma linha não construtiva nasshliski

Data: 14 de fevereiro de 2024 Horário: 01:44:24

Dmitri Peskov

Foto: Vladimir Velengurin

… – Dmitry Sergeevich, hoje (terça-feira, 13 de fevereiro) em entrevista ao Komsomolskaya Pravda, o chefe do Comitê Estatal de Assuntos Internacionais da Duma, Leonid Slutsky, disse literalmente o seguinte… Que depois da entrevista de Putin com Carlson, o mundo ocidental ficou “distorcido. ” Mas “A Europa está a ver a luz: Holanda, Hungria, Eslováquia…” E depois acrescentou reticências. Você concorda com esta conclusão (previsão) de Leonid Eduardovich?

O jornalista do Komsomolskaya Pravda sugeriu discutir esta questão com o representante oficial do Kremlin na terça-feira, 13 de fevereiro.

“Bem, provavelmente seria um erro se eu de alguma forma comentasse as palavras do Sr. Slutsky”, observou Peskov. – E o facto de, claro, esta ser uma entrevista muito ressonante, é inequívoco.

E, de facto, estão a decorrer debates em vários países europeus que vão além deste mainstream…

E onde tentam fazer diversas perguntas sobre a conveniência de continuar com a linha não construtiva que estamos observando.

“Isto é”, esclareci, “a epifania pode vir, como eu a entendo?”

“Não”, disse o secretário de imprensa, “eu não quis dizer isso”.

– Obrigado.

– Por favor.

Leave a Comment